Blog

Árvore vai do jardim para cozinha

09/05/2010 - Sem Categoria

Não é sempre que se tem a oportunidade de trazer a natureza para dentro de casa. Literalmente. Na recente reforma de uma casa construída em 1975, um exemplar de jasmim-manga, que ficava no jardim, foi integrado ao novo projeto pelas mãos da dupla de arquitetos Fernanda Bessone e Raul Moras.

- Como o dono da casa é gourmet e adora cozinhar, houve a necessidade de se criar um lugar agradável para receber amigos e família. Foi quando surgiu a ideia de aumentar a área da cozinha, incorporando a árvore que, de quebra, tem bromélias no tronco e dá lindas flores brancas - conta Fernanda.

Para evitar problemas com infiltrações, a parede que fica próxima à árvore foi revestida com pedras portuguesas. A iluminação também mereceu atenção extra. O teto ganhou uma claraboia de policarbonato, cuja inclinação acompanha a estrutura da árvore. E, por ser transparente, mantém a incidência de luz natural na cozinha.

- A escolha do material foi criteriosa, pois o policarbonato é muito mais resistente que o vidro. Podíamos ter optado por um teto retrátil de madeira, por exemplo, mas a escolha foi feita de modo a evitar uma sensação de confinamento, tanto da planta, quanto dos moradores - explica a arquiteta.

Resistente, a espécie não requer muitos cuidados. A rega fica por conta da água da chuva. E a manutenção foi facilitada pela construção de um canteiro que deixa a árvore respirar. Para arejar ainda mais o espaço, os arquitetos integraram a cozinha à sala de jantar.

A jasmim-manga é uma das espécies indicadas pela paisagista Ana Iath, que também recomenda ipês, amoreiras, pitangueiras e jabuticabeiras. Mas quando já existe uma árvore no terreno, destaca, é o projeto que deverá se adequar a ela, como fizeram os arquitetos.

- O importante é deixar espaço para que as raízes se desenvolvam e não atrofie. E quando o ambiente é artificial, a árvore necessita de cuidados extras como adubações trimestrais, rega controlada e poda.


 

/ fonte: O Globo
loading...
carregando