Blog

Classe média soma 50% da população e domina poder de compra, diz FGV

14/09/2010 - Sem Categoria

Pela primeira vez, a classe média do Brasil atingiu 50% da população. O cálculo é do economista Marcelo Neri, da Fundação Getulio Vargas, com base em dados da Pnad 2009 (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios).

No ano anterior, a classe C representava 49,2% da população e, em 1992, 32,5%. A FGV enquadra nesse estrato as famílias com rendas domiciliar de R$ 1.116 a R$ 4.854. Essa nova classe média abarca 94,9 milhões de pessoas, segundo a FGV.

"A classe C agora é dominante em poder de compra. É ela que vai comandar o país não só economicamente, mas também em termos políticos", diz o economista.

Para ele, há uma "revolução silenciosa" no país. Depois do Plano Real e da estabililização da economia, houve um aumento do bem-estar da população.

Principalmente a partir da década de 1990, a escolaridade avançou e o tamanho das famílias diminuiu. Nos anos 2000, o emprego formal registrou sucessivos recordes e a renda média individual cresceu com mais ímpeto.

/ fonte: Folha.com
loading...
carregando